Semper Phone

Effortless
LEARNING

  • Improve effortlessly – just by living your life
  • Learn while waiting for your apps to load
  • Recommended by 5 universities
  • Community of over 1,000,000 learners
  • 50,000+ expert-made packs, or create your own
"One of the best learning apps" - CNET
  • Apple Play Store
  • Install Semper from the Play Store
Flutter Atrial

Flutter Atrial

Last update 

Flutter Atrial, resumo atualizado 2016.

Items (21)

  • Qual a definição Eletrocardiográfica do Flutter Atrial?

    1) Frequência Atrial > 250. 2) Ondas F. 3) FC de 150 bpm. 4) QRS estreito.

  • Qual o outro nome para flutter tipo I?

    Forma Típica

  • O que significa quando no Flutter típico falamos de condução 2:1 ?

    A cada duas ondas F, inscreven-se um complexo QRS.

  • Como se inscescreve as Ondas F no eletrocardiograma?

    Ausência de linha isoelétrica entre as ondas atriais dando aspecto de DENTE DE SERRA.

  • Onde, no eletrocardiograma, se visualiza bem as ondas F

    Derivações voltadas a parede inferior do VE (D2, D3 e aVF)

  • O que é o Flutter Atrial

    Taquiarritmia atrial por macrorreentrada, forma-se um grande circuito elétrico tipicamente anti-horário.

  • Porque a condução para os ventrículos costuma ser de 2:1

    O nódulo AV "barra" metade dos 300bpm por seu período refratário relativamente longo

  • Quando se encontra Flutter típico com condução 4:1

    1) Paciente com doença no nódulo AV. 2)Paciente toma inibidores do Nódulo AV

  • Quando teremos Flutter típico com condução 1:1

    Complicação ao uso de drogas antiarritimicas do grupo IA sem associação com inibidores do nódulo AV

  • Quais as drogas antiarrítmicas do grupo IA

    Quinidina, Procainamida e Disopiramida

  • Que é o Flutter típico Reverso

    Ondas F positivas em D2, D3 e aVF por circuito com rotação horária

  • O que é Flutter Atrial Tipo II ou Atípico

    Ondas F com frequência superior a 350 bpm por um circuito não dependente do istmo

  • Que doenças se destacam como causa de Flutter atrial

    Sobrecargam os atrios: Insuficiência cardíaca e a DPOC ( doença pulmonar obstrutiva crônica)

  • Qual o quadro clínico do Flutter Atrial

    Sintomático: Palpitações, tonteira, cansaço, dispneia, desconforto torácico

  • Que fazer no Flutter atrial Emergencial ou seja com INSTABILIDADE HEMODINÂMICA

    Cardioversão elétrica

  • Como é a cardioversão elétrica no Flutter Atrial

    Choque sincronizado de 50 J, sucesso 90%. Segundo choque se necessário de 100 J.

  • Que fazer no Flutter atrial com quadro eletivo ou seja paciente hemodinâmicamente estável

    iniciar o tratamento com inibidores do nódulo AV por via EV. Visa transformar 2:1 para 4:1

  • Quais medicamentos mais indicados para Flutter atrial

    Antiarrítmicos do grupo III: Ibutilida (EV) ou Dofetilida (VO ou EV)

  • Que é a Estimulação Atrial Programada?

    Estimular átrio com uma frequência 10% acima da frequência do Flutter utilizando cabo MP na parede atrial D

  • Quando anticoagular no Flutter Atrial

    1)História de FA. 2) Flutter crônico(>6meses). 3) Risco para tromboembolismo

  • Na abordagem definitiva do Flutter recidivante, que fazer diante do fracaso farmacológico

    Ablação por radiofrequência